Para ilustrar o processo de criação das imagens da exposição do Itaú, seria exposta a câmara com a qual foram criadas as imagens. Acabou que não rolou, e a vitrine não seria possível. A solução foi usar uma outra câmara de fenda, mais comum, chamada de máquina de xerox, para registrar a imagem da câmara. Escaneei, fiz besteiras no Photoshop, e mandei embora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s