Rolou um mega hiato.
E passou.

A história do scanner de médio formato ficou parada, eu realmente acho que os batimentos de frequência não irão embora, mas a fonte de luz diferente ainda será testada.
Nesse meio tempo apareceu mais um Mac velhinho, presente do 2F. A carcaça é de um 8500, mas o adesivo da Sonnet entrega que o conteúdo já virou outra coisa. Sonnet é um fabricante conhecido de upgrades de processador para Macs. De fato, mais um G3. Coincidência ou não, essas máquinas com upgrades estão sempre no meio do caminho. Faltou remover o cache L2 da placa mãe para o upgrade funcionar, talvez por essa razão simples a máquina tenha ido pro lixo. Um Google e já tinha drivers para tudo.
Sem o chip de cache (o upgrade tem o seu próprio, maior e melhor) o 8500 voou. O HD é razoável, 8,4GB. E tinha até uma placa de vídeo PCI, mas essa foi direto para o G3 bege onde ela será mais útil no futuro próximo.

No G3 bege, escaneei uns negativos feitos com a Leica do meu bisavô. O foco com a lente em 1.4 é sofrível, talvez haja necessidade de calibrar o rangefinder. De resto, a câmara funciona bem. Assim as fotos puderam ir mais rápido para as mãos dos fotografados.

Estou planejando mais um negativo comprido para mais uma imagem comprida. Só falta minha outra avó. E também tem umas fotos de sucata para tratar digitalmente.

Anúncios

Uma ideia sobre “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s