Vejo fotografia em tudo

O Kraftwerk abriu com Man Machine, e um maluco atrás de mim gritou: quem não tomou doce, sobrou! Interessante como o Kraftwerk trabalha as sombras dos seus quatro integrantes de diversas maneiras no show. O próprio clipe linkado aqui é aberto dessa maneira. Aqui em Sampa, luzes estroboscópicas projetavam as sobras deles numa tela branca de diversos ângulos, sequencialmente, fotografias! Ou até fotogramas! Animados, de objetos quase estáticos.

Já a penúltima do radiohead foi Where I End And You Begin (se eu não estiver enganado, é claro), fiz uma foto da luz das centenas de LCDs brilhando na frente do palco.

radioheadsp

Uma linha azul de imagens sendo capturadas, gigas e gigas de arquivos digitais sendo criados a cada minuto. Para onde foi tudo isso? Fotos? Vídeos? Onde vê-los? No site do próprio Radiohead vi outras fotos: os pinholes do Jonny, mais aqui, e uns registros do dia-a-dia da turnê.

Anúncios

Uma ideia sobre “Vejo fotografia em tudo

  1. =) Pri!!!

    “Semi ser humano”,
    UAUUUUUUUUUUUUU
    UAUUUUUUUUUUUuuu
    nunca tinha nem ouvido falar desses snow flakes, mas nossa nossa nossa, não sei se eu choro, se rio ou me mato agora, rs
    radiohead,já ouvi falar acho que não conheço nenhuma… ouvi essa ultima ai, mas… enfim… né… que lugar é esse? E que bom que não há mais mentiras por aqui, seja lá onde for, rs rs rs

    As pin holes estão fenomenais!!! rs rs rs

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s